.Gastronomia Postres Españoles - Sobremesas espanholas

Published on August 19th, 2014 | by Manaira Araújo

1

Sobremesas espanholas: postres, dulces e outras delícias

Compartir/Compartilhar
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestBuffer this pageEmail this to someone

Depois dos pratos da gastronomia espanhola que destaquei no texto passado, agora você vai conferir algumas sobremesas espanholas típicas. Chamada de “repostería”, a arte de fazer doces e sobremesas também é muito variada, apesar de pouco difundida. Alguns pratos são parecidos com os que temos no Brasil, mas com nomes bem diferentes. E todos muito gostosos, ou “ricos” em castelhano. 

A ligação entre história, religião e os doces:

Não tem como falar sobre a pastelaria – ou “repostería” em castelhano – sem fazer uma viagem no tempo e pelas religiões. Os doces têm uma grande tradição histórica, sofrendo influências dos muçulmanos que dominavam a península ibérica na época “andalusí”, durante a Idade Média; dos judeus que viviam pelo Mediterrâneo com a sua cozinha “sefardí”, no início da Idade Moderna; e posteriormente com a culinária dos monasterios e conventos, já que muitas das guloseimas são vinculadas as celebrações do cristianismo.

Pastel? TartaBizcochoBollos?

Para começar, doce é “dulce”, sobremesa é “postre”, café da manhã é “desayuno” e o lanche da tarde é “merienda”. Ao entrar em uma cafeteria ou em uma padaria – “panadería” em castelhano -, é importante que saiba de algumas diferenças e curiosidades. As tortas são chamadas de “pastel” ou “tarta”; já os bolos são “bollos” ou “bizcochos”; e os biscoitos são “galletas”. Ao ver “magdalenas”, pode pedir sem medo que são muffins. Os croissants, apesar de serem franceses, são facilmente encontrados em qualquer estabelecimento.

Dicionário de sobremesas espanholas:

Preparados para encarar a lista de sobremesas espanholas? Foi difícil escolher, pois cada uma das 17 comunidades autônomas espanholas tem os seus doces típicos, sendo que muitas vezes a mesmo guloseima poder ter um nome diferente devido a adição ou troca de algum ingrediente local na receita. Mas certamente com esses você já pode começar a fazer um tour pela “repostería espanhola.

  • Arroz con leche (Astúrias) – nosso arroz-doce.
  • Brazo de gitano (Aragão) – como o nosso rocambole ou bolo de rolo, normalmente recheado de geleia fruta ou chocolate.
  • Buñuelos de calabaza (Valência) – doce à base de farinha, abóbora, ovos, casca de laranja e açúcar. São típico das festas de “Fallas” que ocorrem no dia 19 de março, dia de São José.
  • Crema catalana (Catalunha) – doce muito típico da cozinha catalã à base da gema do ovo com cobertura de açúcar caramelizado crocante. É comido principalmente no dia de São José, 19 de março.
  • Filloas (Galícia) ou Frixuelos (Astúrias) – massa bem parecida com a nossa panqueca, podendo ou não levar ovos. Na Galícia, são normalmente servidos com açúcar, mel, geleia, chocolate e castanhas, já em Astúrias com mel, creme de leite ou compota de maçã.
  • Gofio (Canárias) – farinha de cereais tostados muito utilizada em bolos, sorvetes e mouses, sendo que também se come com banana.
  • Helado – sorvete
  • Horchata (Valência) – bebida refrescante, que também serve de sobremesa, preparada com água, açúcar e as batatas (chamadas de “chufas”) encontradas nas raízes da “juncia avellanada” (Cyperus esculentus), que levam esse nome por serem parecidas com a avelã.
  • Macedonia de Frutas (Murcia) – salada de frutas
  • Membrillo – marmelada
  • Panellets (Cataluña) – doces tradicionalmente feitos com amêndoas moídas, ovos, açúcar e casca de limão ralada e cobertos com clara de ovo e pinhões. São típicos das festas de Todos os Santos, no dia 1º de novembro.
  • Paparajotes (Murcia) – sobremesa feita com folhas do limoeiro cobertas com uma massa feita com farinha e ovo, coberta com açúcar e canela.
  • Perrunilla (Extremadura) – doce à base de banha de porco, ovos, farinha, açúcar, óleo, canela, limão, amêndoas e aguardente.
  • Pestiños (Andaluzia) – doce feito com uma massa de farinha frita em azeite de oliva, passado no mel.
    Porras ou churros (Madri) – como os nossos churros, só que mais finos e sem recheio, são comidos principalmente no inverno e com muito chocolate.
  • Sagargala (País Basco) – torta à base de açúcar, farinha, creme de leite, gelatina, queijo fresco e limão.
  • Sobaos Pasiegos (Cantábria) – receita primitiva à base de massa de pão mais açúcar, manteiga ovos, casca de limão ralada e licor de erva-doce ou rum.
  • Tarta de Santiago (Galícia) – famosa torta à base de amêndoas moídas, decorada com açúcar e que leva a marca da cruz de São James (cruz de Santiago).
  • Tocino de cielo (Andaluzia) – doce à base de gema de ovo e açúcar caramelizado, bem semelhante ao nosso quindim.
  • Torrijas (Madrid) – como as nossas rabanadas só que o pão pode ser molhado também no vinho. Depois de fritas, além de canela e açúcar, é comum também colocar algum licor ou mel.

Vou parando por aqui para que você não fique com mais água na boca… O que achou da seleção de doces? Qual foi o que você mais gostou? Se ainda não leu o texto sobre a os pratos típicos e as tapas da gastronomia espanhola, clique aqui. 

Compartir/Compartilhar
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestBuffer this pageEmail this to someone

Tags: , , ,


About the Author

Soy periodista y tengo experiencia en investigación de mercados, gestión de contenidos y redes sociales, SEM y SEO. Además me encantan turismo, gastronomía, Brasil y España.



One Response to Sobremesas espanholas: postres, dulces e outras delícias

  1. Pingback: 10 Tapas Espanholas imperdíveis – Muito além da fronteira

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to Top ↑

Se continuar a utilizar este site, você aceita o uso de cookies. Mais informação

Opções de cookies neste site estão definidas como "permitir cookies" para oferecer uma melhor experiência de navegação. Se você continuar a usar este site sem alterar as configurações ou clicar em "Aceitar" você estará consentindo as cookies deste site.

Fechr